7 de março de 2014

Vamos sujar as mãos e comer bem.

O livro de hoje é português, bem nosso e cheio de coisas boas, de dicas maravilhosas e escrito por uma pessoa inspiradora.

Este livro é tudo de bom. Ensina-nos a cultivar, a tratar da nossa horta caseira e como fazê-la. A autora, Cláudia Vilax, conta no livro que iniciou a sua caminhada num pequeno apartamento com a sua horta em vasos. Que depois estendeu para um terraço com uma mudança e que agora tem uma horta comunitária, num projecto sustentável.



"Ter uma horta é um hobby como outro qualquer." A Claúdia conta-nos a sua paixão pelos alimentos verdadeiros, e realmente porque não nos apaixonarmos por estas coisas. Estamos numa época de crise, e nestas alturas é quando a criatividade surge com mais força, por motivos vários, mas muito por necessidade. Temos nas nossas mãos a força suficiente para darmos a volta por cima, basta querermos muito e trabalharmos para isso. A Cláudia mostra-nos um caminho possível, para uma vida mais saudável e auto-sustentável.


Há uma frase inspiradora "Nunca comam algo que a vossa avó não reconhecesse como comida." Bolas, é mesmo isto. Como é que com uma frase tão simples está tudo explicado? É isto que defendo, é nisto em que acredito. Verdadeira comida, verdadeiros alimentos, verdadeiros sabores.

Mas este livro não é só para aprender a cultivar e a ter uma horta, não se enganem. Este livro está recheadinho de receitas incríveis. Fáceis de executar e com imagens lindas de babar. É daqueles livros que toda a gente devia ter em casa. Ensina-nos o poder dos alimentos sazonais e biológicos, dos verdadeiros alimentos com os quais as nossas avós cozinhavam.


A Claúdia Vilax foi uma das responsáveis pela revista de culinária Blue - Living, Travel e Cooking (lembram-se? infelizmente já não existe) e actualmente dedica-se à produção do seu azeite biológico "Azeitona Verde" com o seu marido e gere a sua marca Food, People & Design.



Há uns tempos partilhei uma receita deste livro, verdadeiramente deliciosa que fiz juntamente com a minha mini. Foram estes bolinhos de cenoura. Tão bons... :)


"Boa comida, Boa Vida" é uma excelente frase que resume o livro de forma ideal.
Este é daqueles que está todo sublinhado! :)

Como ao longo destas rubricas muitas vezes recebo perguntas onde podem comprar o livro, começarei a colocar no final do post o link directo para a compra.

Podem comprá-lo AQUI.

13 comentários:

Ana Rita disse...

Esse livro tem sido tipo vai e vem...vem porque pego nele e folheio e vai porque depois acabo por não o trazer.Isto porque não tenho maneira de ter uma horta e o livro está em boa parte direccionado para ajudar nesse sentido. Contudo gosto das receitas que por lá sugerem...
Bjoka
Rita

Vanessa disse...

Hummm, parece-me uma óptima ideia para a próxima compra. Ando a pensar há muito tempo instalar uma pequena horta aqui por casa, portanto deve ajudar :)

cook simple disse...

Recebi de prenda de Natal há dois anos e é de facto um excelente livro, com uma linguagem muito acessível e fotografias lindas. Boa escolha!
Beijinhos, Paula

Susana Machado disse...

Parece mesmo interessante!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Ondina Maria disse...

É um livro que tenho vindo a namorar desde que saiu. Mas como prometi a mim mesma que este ano não compraria mais livros (para dar uso aos imensos que tenho) resta-me esperar que alguém mo ofereça no meu aniversário, já no próximo Domingo...
Entretanto, eu que sou uma agricultora de varanda, ando super entusiasmada. Depois do inverno rigoroso já recomecei as minhas plantações e, se tudo correr bem, amanhã lá vou eu plantar mais umas quantas ervas aromáticas, especiarias e pequenos legumes. Sim, numa varanda tem que ser tudo muito comedido, senão corremos o risco de cair em cima da varanda dos vizinhos de baixo.
E como tenho chegado a casa ainda com luz do dia, o que me sabe melhor é mesmo aproveitar a réstia de luz neste espaço que é tão acolhedor :)

Mariana Teixeira disse...

Deve ser uma maravilha esse livro (mais um)....
Na minha horta de varanda andei a plantar a semana passada o ruibarbo, a ver vamos se resulta e pega pois não vejo a hora de ter mais umas compotas e fazer uns crumbles com ele,


beijinhos e bom fim de semana!

Mariana Teixeira disse...

Deve ser uma maravilha esse livro (mais um)....
Na minha horta de varanda andei a plantar a semana passada o ruibarbo, a ver vamos se resulta e pega pois não vejo a hora de ter mais umas compotas e fazer uns crumbles com ele,


beijinhos e bom fim de semana!

Inês Ginja disse...

Um livro favorito na minha estante! Adoro tudo nele, desde as fotos, às receitas e ao conceito.
Eu adoro horta, andar no quintal, apesar de ter pouco tempo e cada vez menos, é uma coisa que relaxa, nos aproxima da natureza e das coisas boas e saudáveis.
Um beijinho.

foodwithameaning disse...

Não tenho este livro, mas sem dúvida é uma filosofia de vida que me atrai, especialmente a parte de ver as coisas crescer, poder colher e, por fim, confecionar pratos deliciosos.
beijinhos
Patrícia

Chilli Com Todos disse...

Já tinha ouvido falar muito bem deste livro mas ainda não o tenho! Gostava tanto da Blue, foi uma pena ter acabado!

Petiscos e Miminhos disse...

Não conhecia este livro mas agora fiquei super curiosa, imagino que as receitas sejam incríveis!

Paula Moita disse...

O meu está para chegar! Já estava na minha lista há algum tempo, pois quando o vi à venda na fnac folheei-o e achei-o irresistível. Como estou habituada a comer produtos biológicos da horta dos meus pais, acho o livro uma inspiração.

family disse...

Obrigada Maria João as fotografias estão lindas!
Grande beijinho

Enviar um comentário