Mostrar mensagens com a etiqueta Maria. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta Maria. Mostrar todas as mensagens

7 de maio de 2017

Carta aberta às minhas filhas {e uma promessa}

Fotografia by Brígida Brito

Maria e Margarida,

Hoje celebra-se o dia da mãe, mas dia da mãe é sempre (desde que vocês apareceram na minha vida). Se há coisa de que me orgulho diariamente; me enche o corpo, a alma e o coração, é o facto de ter duas filhas como vocês. E, quis o universo, o karma, o destino ou Deus que eu tivesse duas filhas meninas, que um dia, possivelmente, também serão mães.

Não sei se me sinto capaz de vos ajudar ou aconselhar a serem mães (quem sou eu?!). Mas de uma coisa tenho a certeza, o meu modelo de mãe é tão grandioso que não tenho sequer hipóteses de conseguir sentir-me equiparada a ela. Sim, estou a falar-vos da Bá (ou da Bázinha, como tu dizes, Margarida!). Sei, também, que o facto de ter uma mãe como a Bá ajuda-me a conseguir ser o melhor todos os dias.

O meu feitio, as minhas ambições e a minha força de vontade fazem com que me meta em mil projectos e, muitas das vezes, tenho muito medo de falhar convosco. Não sou a mãe perfeita, mas tenho aprendido ao longo dos anos que tenho de relativizar e não quero, nem devo, procurar a perfeição. Em primeiro lugar porque ela não existe e em segundo lugar porque não precisamos de ser perfeitas para mostrar amor.

Maria e Margarida, vocês são duas meninas cheias de vida, têm uma luz tão especial, são tão incríveis que até me dói o peito de tanto amor que sinto por vocês. Já me diziam isso, antes de ser mãe, que era um amor que às vezes até dói. E é mesmo verdade. É uma dor boa, mas ao mesmo tempo o medo de que algo vos aconteça faz com que seja tão doloroso.

Há dias em que sinto que o tempo passou a correr, que não tive tempo para fazer uma actividade lúdica convosco, porque a roupa acumulou, porque o jantar atrasou, porque o cliente ligou já muito tarde e eu atrasei no escritório, porque ainda não tinham tomado banho, ou porque hoje era dia ballet e o tempo foi passando e chegam as horas de ir para a cama, olho para trás e não houve um momento em família como nós gostamos. E, por isso, hoje, dia da mãe, decidi escrever esta carta, fazendo-a em tom de promessa. Mesmo passando os dias atolada de trabalho e cheia de tarefas domésticas, e à noite tu Margarida não me deixares dormir, mesmo assim, terei sempre 10 minutos no mínimo para vos ouvir, a cada uma, e podemos fazer o que vocês quiserem. Durante 20 minutos (no mínimo!!!) sou só vossa. Sem computadores, telemóveis, jantares, roupas, etc!

A minha mãe ensinou-me: o que falas, leva o vento as palavras, o que escreves fica gravado para sempre. Escrevo, aqui, publicamente esta promessa, para que fique gravado como se fosse em pedra.

Com muito amor,
Mamã 


27 de abril de 2015

Como remover um penso rápido sem lágrimas?

Hoje trago um post diferente, mas super útil principalmente para quem tem filhos.
Um dos maiores motivos de stress cá em casa é quando a Maria se magoa e colocamos um penso rápido sobre a ferida e depois temos de removê-lo. Acho que a Maria chora mais quando digo que o temos de tirar de quando fez a ferida.

17 de março de 2015

O baptizado e um bolo de citrinos

Este fim-de-semana celebramos o baptizado na nossa mini2, a nossa Margarida. Foi uma cerimónia linda, muito emotiva e com as pessoas que nos são mais queridas. Temos uma família grande e é difícil conseguirmos juntar todos, por isso estes eventos são maravilhosos para conseguirmos isso.

29 de dezembro de 2014

Welcome Margarida ❤

É com enorme alegria e muita emoção que vos apresento a minha nova flor, a minha mini2, a minha Margarida. Foram momentos mágicos, um parto bonito e com uma equipa de excelência. Uma vinda ao mundo cheia de amor, alegria, emoção e muita, muita benção. Bem-vinda Margarida!

1 de dezembro de 2014

Bem-vindo Dezembro!

Como ando ansiosa... e agora o mês de Dezembro chegou. Estou prestes a ter a mini 2, como carinhosamente a apelido. É uma Margarida, uma flor que nascerá no mês do frio, do Natal, do Pai Natal ou Menino Jesus. É uma menina jesus que virá preencher os nossos corações, aquecê-los e tornar a nossa família ainda mais completa.

Estes dias têm sido a azáfama normal de quem vai ter um filho(a). Arranjar tudo, preparar todos os pormenores para a chegada da bebé. Desde as malas para a maternidade, como o local de muda fraldas, berço, alcofa, carrinho de passeio, enfim... tudo isso. Como mudei de casa, há muita coisa nova e muitas adaptações a serem feitas, mas também a decoração pode ser toda repensada o que me permite tornar tudo super girly!

Os dias passam a correr, mas ao mesmo tempo parece que nunca mais chega o dia. A minha mobilidade reduz de dia para dia, as noites estão-se a tornar um suplício. As dores na coluna são cada vez piores, as manchas na cara aumentam a olhos vistos e as estrias, bem, as estrias na barriga insistem em querer aparecer, por melhor creme que eu use (já assim foi da Maria).

Este Natal virá ainda com mais magia, será um Natal mais calmo que o habitual, só mesmo com os avós das minis, mas cheio de alegria. A Maria também está ansiosa. Tenho conversado muito com ela. Conto-lhe como foi quando ela nasceu, explico-lhe como vai ser quando a Margarida nascer. Ela insiste: "Quando a mana nascer, vai ser o melhor dia da minha vida!" Ai, Maria, assim o espero! Que sejam muito amigas, companheiras e grandes cúmplices. Hoje, a Maria, disse-me isso com lágrimas nos olhos. Nem queria acreditar quando me disse: "Estou mesmo emocionada, mamã."

Não sei quando voltarei aqui, gostava antes de ter a Margarida de partilhar convosco uma ou duas receitas mais propícias a esta época festiva, mas não consigo prometer-vos. Tenho tentado mostrar o meu dia-a-dia no instagram e no facebook. Quando a Margarida nascer darei notícias, talvez mais rapidamente por lá do que por cá.

Para já ficam os meus sinceros votos de boas festas. E, aproveitem bem esta época para valorizar o que de melhor temos: a família. :)

As minhas sugestões de Natal são:

As melhores rabanadas 
Sonhos recheados com ovos moles
Papos de anjo
Bolo de amêndoa
Coroa de chocolate e avelãs

Ideias para prendas homemade:

Pesto de espinafres
Crocante de chocolate com frutos secos
Bombons de chocolate
Bombons de framboesa
Bombons de limão
Sal aromatizado
Baton de cieiro 


29 de maio de 2014

Para ti, Maria.

Estas palavras são para ti, minha filha.


Hoje escrevo-te aqui, para que um dia possamos recordar as duas esta fase tão linda da nossa vida. Já 5 anos passaram desde que resolveste abençoar a minha vida. Um dia destes, recebi uma mensagem de uma amiga que me perguntou "A Maria foi a melhor coisa que te aconteceu?". Ora... nem há palavras suficientes para te dizer que sim, mil vezes sim. Não tenho capacidade de conseguir transmitir aqui por escrito o quanto é verdade que me fazes feliz, que me fazes sentir abençoada, que me trouxeste sentido à vida. A mim e ao teu pai.

Desde que nasceste, faz hoje 5 anos, que a nossa vida ganhou luz, cor, alegria. És uma menina muito especial. És minha filha e isso bastava para te amar profundamente e achar que és a pessoa mais especial do mundo, mas no fundo do meu coração, acredito que és diferente, que tens uma luz interior muito intensa, que tens uma estrela enorme no teu coração. És tudo o que eu alguma vez podia desejar, melhor ainda.

Hoje, com 5 anos, és uma menina muito inteligente. Conversas muito bem com os adultos. Adoras contar histórias e inventar umas quantas. Todos os dias ao final do dia, ao jantar, gostas de contar o teu dia e pedes que eu e o teu pai também te contemos como foi o nosso.

Adoras fazer puzzles, e já estamos em puzzles com 200 peças. Desenhas com uma imaginação incrível. Tens uma excelente capacidade de espaço, localização e percepção de plantas arquitectónicas (desde os 2 anos). Brincas imenso com bonecas e adoras fazer de conta em mil e uma histórias inventadas.
Brincas com os teus primos, gostas de jogar a wii.

És muito vaidosa, adoras tudo o que é piroso e brilhante.
A Elsa e a Anna do filme Frozen são as tuas bonecas preferidas. Já deliras com a Violetta, sabes as músicas todas de cor.
O teu maior desejo tem sido ir à Disney (quem sabe um dia!).
Danças ballet e andas na ginástica.

És uma companheira fantástica. Gostas de cozinhar comigo e passamos horas as duas enroladas em mantas no sofá a fazer miminhos uma à outra.

Tens uma relação com o teu pai que me deixa para lá de babada. Adoro ver-vos nos mimos, apertos, cócegas, carinhos e beijinhos. Gostei de saber um dia que lhe contaste um segredo, que desabafaste com ele e que não quiseste que eu soubesse. Sabes, Maria, o que eu quero mesmo é que possas confiar nos teus pais e já demonstras isso, quando nos contas as asneiras que fizeste na escola.

Acima de tudo és uma criança muito FELIZ e só isso basta-me para saber que eu e o teu pai estamos a fazer o percurso certo.
Obrigada, Maria, por me teres escolhido para tua mãe.

Amo-te profundamente.
Muitos parabéns.

Com todo o amor do mundo, que não cabe em palavras,
a tua mãe

3 de junho de 2013

4º aniversário da minha Maria (com duas receitas)


Na quarta-feira a minha filha fez 4 anos, e como ela está crescida! Já se veste e despe sozinha (fica sempre pirosa quando é ela a escolher a roupa, eheheh), já tem raciocínios fantásticos, diz que gosta de ballet, música, ginástica e natação. É uma companheira fantástica, adora cozinhar comigo, adora que lhe leia histórias e tem muitos amigos imaginários, amigos esses que são fantásticos pois mandam-na vestir o pijama e ir ao wc! Eheheh

De prenda de anos pediu-me uma guitarra, foi de tal forma a insistência que nós, pais, fizemos-lhe a vontade. Vejam bem a concentração dela, até parece que já sabe tocar viola. :)

No Sábado fiz-lhe a festa de aniversário com os amigos e os primos. Foi uma festa muito divertida e o tempo ajudou imenso, felizmente os anjinhos uniram-se e brindaram-nos com um dia lindo e quentinho! Foi óptimo. Vejam algumas fotografias da festa e da animação! 


Aqui têm o bolo de aniversário que encomendei à Peace of Cake, era um bolo red velvet e foi bastante apreciado. E estava lindo de morrer, mesmo como imaginei. As velas foram oferecidas pela Tia Conceição e a Maria é que as dispôs no bolo! :)

A limonada cor-de-rosa, foi inspirada na da Marmita, que mal a vi pensei logo "tenho de fazer para a festa da Maria". Fez imenso sucesso e é deliciosa. 

Limonada Cor-de-Rosa

Ingredientes:

4 limões + 1 limão para decoração
100g de framboesas
4 c. de sopa de açúcar
3L de água
Gelo q.b.

Preparação:

Retire os "rabos" aos limões e parta-os aos cubos retirando todas as pevides. Coloque numa liquidificadora ou num robot de cozinha os limões aos cubos, as framboesas, o açúcar e cerca de 200ml de água. Dê 3 golpadas no turbo e coe o líquido para um jarro onde irá servir a limonada.
Num robot de cozinha que pique gelo, pique o gelo como se fosse para caipirinha (eu usei cerca de 1L de gelo porque fiz muita limonada, como podem ver nas imagens).
Coloque a água no jarro e no fim o gelo picado. Decore com fatias de limão.



Para animar a festa chamei a Mariana Machado, uma contadora de histórias exímia. Os miúdos estiveram encantados. No final pediam mais! :) Foi um máximo, aconselho a Mariana para as vossas festas com crianças.

Por fim, aqui têm um bolinho que fiz para a festa. Fiz muitas mais coisas, mas destaco este bolo, que ficou realmente delicioso e é muito fácil fazer. Deixo-vos aqui a receita.

Bolo de Laranja Inteira 

Ingredientes:

1 laranja sem caroços e partida em quartos bem grande
4 ovos
2 chávenas de chá de farinha
2 chávenas de chá de açúcar
1 chávena de óleo de amendoim
2 colheres de chá de fermento

Preparação bimby:

Colocar a laranja no copo e programar 30s/vel 5 - 9.
Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Colocar a borboleta, os ovos e o açúcar e bater 6 min/ vel 3
Juntar o óleo e programar 15 seg/vel3.
Introduzir o fermento e a farinha e bater 5 seg/vel 3
Se não estiver bem misturado ajude com a espátula.
Colocar no forno até ficar pronto. 
Verificar com um palito se a massa está bem cozida.

Cobertura de chocolate

Ingredientes:

200ml de natas
200g de chocolate negro

Preparação tradicional:

Aqueça as natas num tachinho sempre em lume baixo (nunca as deixe ferver) durante 5 minutos.
Junte o chocolate partido aos pedaços e deixe-o amolecer um pouco. Bata muito bem até formar uma pasta homogénea.

Preparação bimby:

Coloque as natas no copo e programe 90ºC/5min/vel. colher.
Junte o chocolate partido aos pedaços e deixe-o amolecer um pouco.
Programe 1min/vel 3,5.


Deixe o bolo arrefecer por completo e depois cubra o bolo com a cobertura de chocolate.
Por fim decore com o coco ralado.