Mostrar mensagens com a etiqueta bacon. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta bacon. Mostrar todas as mensagens

3 de março de 2017

O poder no feminino {Granola Salgada de Bacon e Tomate Seco}




Há pouco mais de um ano que abri a minha empresa. Como tantas vezes desabafei neste blogue, esta decisão foi das mais complicadas e arriscadas da minha vida. Mas hoje, passado tão pouco tempo não podia estar mais feliz e concretizada. O dia da mulher está aí a chegar e se há dia que eu gosto é o 8 de Março. Apesar de se ter transformado num dia super comercial, em que o que interessa é dar uma flor às mulheres, o 8 de Março é bem mais importante do que dar uma rosa às mulheres.

30 de agosto de 2014

19 de setembro de 2013

Abóbora hokkaido recheada e uma ode à amizade!

Isto de ter um blog de culinária tem muito que se lhe diga. Começou por ser uma partilha do "meu" caderno de receitas com os meus amigos. Depois, mais tarde, comecei a ficar mais entusiasmada com as fotografias, comecei a usar uma lente 50mm que o meu irmão me emprestou e fiquei a "conhecer" outras bloggers. Hoje acho que já se tornou tanto uma paixão assolapada como uma obsessão. Já faço as minhas próprias tábuas de madeira, já penso nas receitas como funcionarão a nível fotográfico e só depois imagino a diversidade de sabores... enfim... o processo criativo é uma roda viva e isso faz-me ansiar pelo momento em que posso cozinhar, fotografar e posteriormente partilhar, para ansiosamente saber o que vocês acham, se gostaram, se têm dúvidas. Enfim... adoro cada vez mais este meu cantinho.
E isso transforma, também, as minhas idas ao supermercado, mercearias e frutarias. E desta vez foi isto mesmo que aconteceu, passei pelas abóboras e vi esta, linda, maravilhosa. Imaginei-a recheada com carne, ou com uma sopa de abóbora, ou até mesmo com uma salada quente. Não conhecia as abóboras hokkaido, foi a primeira vez que as vi, mas como disse neste post, a descoberta começou a fazer parte do dia-a-dia e a vida assim tem muito mais piada. Comprei-a e posso garantir-vos que será para repetir a compra. É deliciosa.
E, também, como este cantinho fez com que eu conhecesse pessoas fantásticas, a querida Teresa do Lume Brando, disse-me para eu experimentar a abóbora também em saladas (que fica mesmo bem!! a Teresa sabe o que diz!). E, por isso, é que a vêm cortada ao meio, pois um pedaço foi para a salada!


• Abóbora hokkaido recheada com couscous •

Ingredientes:

1 abóbora hokkaido
30g de couscous
50g de bacon às tiras
4 cogumelos portobello
2 dentes de alho
1 pacote de chá de citrinos
1c. de sopa de oregãos
sal q.b.
pimenta preta
azeite extra virgem
queijo mozzarela

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Abra a abóbora com uma tampa. (Eu dividi a meio porque utilizei uma parte para fazer a salada abaixo). Coloque a abóbora no forno (a parte para a salada não vai ao forno) temperada com um fio de azeite e sal. Deixe ficar durante 10 minutos.
Ferva água com o saquinho de chá. Coloque o couscous numa taça com sal e pimenta. Cubra-o exactamente com a mesma medida do couscous o chá fervido. Deixe repousar, até a água ser absorvida pelo couscous.
Numa frigideira coloque o alho partido finamente, o azeite e uma pitada de sal. Deixe o alho alourar e coloque os cogumelos fatiados aos pedaços, o bacon e os oregãos. Deixe refogar um pouco e junte ao couscous.
Retire a abóbora do forno e recheie com o preparado de couscous. Cubra com queijo e leve ao forno até o queijo ficar tostado.


Salada com abóbora hokkaido e microvegetais Life In a Bag

Ingredientes:

4 folhas de alface
1 mão cheia de coentros
1/2 pimento veremelho
2 fatias de abóbora hokkaido às fatias muito fininhas
4 nozes partidas aos pedaços
Microvegetais de rabanetes q.b.
Azeite extra virgem
Vinagre balsâmico
Sal q.b.

Preparação:

Corte em juliana a alface e os coentros. Parta aos cubos o pimento. Misture todos os ingredientes e tempere com os molhos. É simplesmente deliciosa. A abóbora é adocicada, fica mesmo boa em saladas.

---♥---

Gostaria de dedicar este post a 3 meninas que têm sido uma verdadeira descoberta. 3 meninas que me motivam diariamente, que puxam por mim, que são verdadeiras fontes de inspiração.
Obrigada por estarem desse lado, obrigada por serem minhas amigas.
Esta abóbora é vossa: Inês, Sandra e Naida!! Love you, girls!

4 de junho de 2013

Kids approved food - esparguete de quinoa com tomate-cereja e bacon

Hoje trago-vos uma nova rubrica que espero que seja cada vez mais presente aqui no meu blogue. Comida para crianças, aprovada por elas. Como sabem dou workshops de culinária a crianças, mas o que quero essencialmente é ajudar os pais a que as crianças variem as refeições e conheçam novos alimentos e experimentem novos sabores. Estou, neste momento a desenvolver um estudo para que vos possa ajudar consistentemente. Mas, esta rubrica que vos vou apresentar é sem soluções imediatas e não são fórmulas que funcionem com todas as crianças. Mas se formos insistentes com os nossos filhos poderemos ter resultados extraordinários. 
Mas, aqui, apresentarei somente refeições fáceis, práticas, saudáveis e atractivas para as crianças e para nós, os adultos. Que vos parece? É uma boa ideia?

Kids approved food 
Esparguete de quinoa com tomate-cereja e bacon

Ingredientes:

150g de esparguete de quinoa (comprei no continente é este)
10 tomates-cereja
150g de bacon às tiras
3 dentes de alho picados
1/2 cebola picada
Manjericão q.b.
Sal q.b.
Azeite virgem q.b.

Preparação:

Coza o esparguete com as indicações da embalagem com um pouco de sal.
Numa wok ou frigideira coloque um fio de azeite, o alho picado e a cebola picada. Deixe o alho estalar. Coloque o bacon e um pouco de manjericão picado. 
Depois do esparguete estar cozido coe-o e coloque na wok. Vá mexendo bem, ou abanando a wok. Coloque os tomates-cereja cortados ao meio e tape a wok com um testo. Desligue o fogo e deixe o tomate cozer a vapor durante 5 minutos.
Sirva logo. 
Poderá decorar com umas folhinhas de manjericão e pode contar histórias da primavera que são as folhas do tomate (brinque com eles, torne as refeições divertidas). Poderá também optar por ralar queijo parmesão (fica delicioso).






22 de janeiro de 2013

Tarteletes de bacon, ervilhas e couve-flor


Voltei! Com uma receita de comer e chorar por mais. :)
Ando muito atarefada  tenho tido muito trabalho e pouco tempo para conseguir postar aqui. Cozinhar, cozinho muito, mas todo o processo a que "obriga" o blogue: cozinhar, fotografar, redigir a receita não é fácil no dia-a-dia. Mas tenho novidades, novidades boas para o meu blogue. Novas receitas, novas imagens, muito entusiasmo. 

Hoje deixo-vos com uma receita barata e muito fácil e super, hiper saborosa.

Tarteletes de bacon, ervilhas e couve-flor
(serve 6 tarteletes)
Ingredientes:

1 massa quebrada (de compra ou da bimby)
1/4 de couve-flor
40g de bacon às tiras
40g de ervilhas congeladas
1 gema de ovo
1 chávena de leite
2 c. de chá de amido de milho
4 folhas de manjericão picadas
1/2 cebola
3 dentes de alho
30g de azeite extra virgem
sal q.b.
pimenta preta moída na hora
Preparação tradicional:
Estenda a massa e corte 6 rodelas de 8cm de diâmetro aproximadamente. Disponha sobre as formas de tarteletes. Leve a forma ao frigorífico durante 10 minutos.
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Num wok coloque a cebola e o alho picados com o azeite e o sal. Deixe o alho alourar e coloque a couve-flor partida aos pedaços, o bacon, as ervilhas e as folhas de manjericão. Deixe refogar em lume-brando. Num recipiente à parte coloque o leite, o amido de milho e a gema e mexa bem com a ajuda de um garfo. Junte o preparado ao refogado e mexa com uma colher de pau para que não se cole ao fundo.
Coloque todo o preparado nas formas já com a massa e leve ao forno aproximadamente 15 minutos.

Preparação bimby:

Para fazer a massa quebrada veja aqui como se faz.
Estenda a massa e corte 6 rodelas de 8cm de diâmetro aproximadamente. Disponha sobre as formas de tarteletes. Leve a forma ao frigorífico durante 10 minutos.
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
No copo coloque a cebola e o alho com o azeite e o sal. Pique programando 10seg/vel.5.
Programe 100ºC/5min/vel. 3.
Insira a couve-flor partida aos pedaços, o bacon, as ervilhas e as folhas de manjericão no copo e programe 100ºC/10min/vel inversa.
Num recipiente à parte coloque o leite, o amido de milho e a gema e mexa bem com a ajuda de um garfo. Junte o preparado ao refogado e programe 100ºC/3 min/vel inversa.
Coloque todo o preparado nas formas já com a massa e leve ao forno aproximadamente 15 minutos.


Nota: tive como inspiração umas tarteletes da Mafalda Pinto Leite. A receita dela é bem diferente da minha, de qualquer forma foi a minha inspiração. :)

8 de janeiro de 2012

Carbonara à Jamie Oliver


• Carbonara à Jamie Oliver •

Quem me conhece sabe a "paixão" que tenho pelo Jamie Oliver. Adoro a forma dele cozinhar, os programas, a forma como se mexe na cozinha, como ensina...
As receitas dele costumo levá-las à risca, mas desta vez não tinha penne e, então, tive mesmo de alterar. De qualquer forma deixo aqui a receita original, do livro "Dias Felizes com Jamie Oliver"

Para 4 doses

455g de massa penne seca
10 fatias de pancetta ou toucinho fumado (bacon)
5 gemas de ovo
100ml de natas
125g de queijo parmesão ralado
sal e pimenta preta moída na hora

Coza os penne em água a ferver com sal até ficarem al dente (veja as instruções no pacote). Enquanto a massa coze, frite lentamente a pancetta (bacon) num pouco de azeite até ficar estaladiça. Parta-a em pedaço e reserve. Numa tigela bata as gemas de ovo, as natas e metade do parmesão. Quando a massa estiver cozida, escorra-a e junte-a imediatamente com a pancetta estaladiça ainda morna à mistura de ovos. Muitas carbonaras cozem mais e ficam a parecer um molo de ovos mexidos. Se juntar os penne imediatamente o calor é suficiente para cozinhar os ovos e para que o molho fique uniforme e cremeso. Tempere bem, com sal e muita pimenta-preta (não pus muita, pois tenho uma menina de 2 anos em casa) e junte mais parmesão a seu gosto. Sirva imediatamente com uma grande taça de salada e uma boa garrafa de vinho tinto.

É tão delicioso. Tão simples, tão fácil de fazer e é algo que faz com que fiquemos com água na boca. Maravilhoso.

Pizza Camponesa com massa de ervas aromáticas


• Pizza Pizza Camponesa com massa de ervas aromáticas •

Massa da Pizza:

200g de água
50g azeite
1c. chá de sal
400g de farinha
2c. de café de fermento
1/2 molho de coentros
1/2 molho de salsa
2 dentes de alho

No copo pique o alho com as ervas aromáticas e reserve.
Coloque a água, o azeite, o sal e programe 1min/37º/vel 2.
Adicione a farinha, o fermento e programe 2min/vel espiga.
Junte as ervas e envolva 10seg/vel colher.
Retire e deixe a massa levedar num local morno até dobrar de volume.
Numa superfície polvilhada com farinha e com a ajuda de um rolo estenda a massa de modo a que fique muito fina, coloque os ingredientes escolhidos (ver abaixo) e leve ao forno pré-aquecido a 220ºC cerca de 20 minutos.

Ingredientes para a pizza:

100g de molho de tomate (usei do pré feito com alho e cebola)
20g de ketchup
5 fatias finas de bacon
50g de fiambre aos quadradinhos
1 embalagem de queijo flamengo fatiado
1 ovo
100g de cogumelos
Oregons q.b.
8 folhas de manjericão
2 dentes de alho picados
50g de coentros picados
Azeite virgem q.b.

Coloque as fatias de bacon numa frigideira com um fio de azeite e deixe estalar.
Após estarem fritas retire e coloque na mesma frigideira sem lavar, azeite, alho picado e coentros picados. Deixe o alho estalar e coloque os cogumelos. Tempere com uma pitada de sal.
Na massa da pizza estenda com a ajuda de uma espátula o molho de tomate e o ketchup.
Coloque fatias de queijo até tapar a pizza toda. Coloque as fatias de bacon, os quadradinhos de fiambre, os cogumelos e o ovo. Corte fatias de queijo às tirinhas e coloque aleatoriamente por cima dos ingredientes. Polvilhe com oregons e coloque no forno.
Quando estiver pronta decore com as folhas de manjericão.