Mostrar mensagens com a etiqueta livro. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta livro. Mostrar todas as mensagens

25 de março de 2017

O meu livro {12 ingredientes 60 receitas para toda a família}


É difícil colocar em palavras o turbilhão de emoções pelas quais estou a passar neste momento. É tão grande a alegria, o entusiasmo e a incredibilidade de eu ter feito um livro, que é difícil conseguir transmitir. :)

2 de maio de 2014

1, 2, 3 uma colher de cada vez...

No dia do bebé teria de vos trazer o livro que mais usei quando a minha mini era bebé. Este livro que vos trago hoje foi, para mim, uma bíblia muito importante. Ajudou-me a variar e a introduzir alimentos e sabores que normalmente naquela época eu não iria saber sozinha. A introdução dos alimentos nos bebés é algo que se tem de fazer gradualmente, pelo perigo de intolerâncias alimentares. Aqui, os autores João Breda e Maria Antónia Peças (com a supervisão da pediatra Drª Carla Rego), ajudam-nos a planificar as refeições e ainda nos brindam com tabelas pormenorizadas de todas as etapas dos nossos bebés, desde os 4 meses aos 3 anos.

11 de abril de 2014

O verde que me inspira...

David e Luise, um casal sueco*, com uma filha linda, a Elsa, e um bebé rapaz a caminho. Esta é a família por detrás deste livro delicioso e lindo de morrer.

28 de março de 2014

Uma cozinha minúscula com uma grande chef

Verdadeiramente inspiradora é esta chefe de quem vos falo hoje. Uma história maravilhosa e cheia de magia. Ficamos com a sensação que todos os nossos sonhos podem tornar-se realidade.

21 de março de 2014

"Comida verdadeira para pessoas de verdade"

Mafalda Pinto Leite, a primeira chef portuguesa a trazer para Portugal a leveza, simplicidade e frescura para a cozinha do dia a dia, nas nossas casas. A Mafalda lançou este livro em 2010, o meu como podem ver é já a 4ª edição (foi comprado em 2011 - entretanto devem ter saído mais umas edições).

14 de março de 2014

Vamos viajar pelo mundo?

Já têm as malas feitas? Está tudo preparado? Não esquecem de nada?
Então vamos embarcar nesta aventura e conhecer este maravilhoso livro de um dos grandes mentores da fotografia de comida e da culinária em geral.

7 de março de 2014

Vamos sujar as mãos e comer bem.

O livro de hoje é português, bem nosso e cheio de coisas boas, de dicas maravilhosas e escrito por uma pessoa inspiradora.

Este livro é tudo de bom. Ensina-nos a cultivar, a tratar da nossa horta caseira e como fazê-la. A autora, Cláudia Vilax, conta no livro que iniciou a sua caminhada num pequeno apartamento com a sua horta em vasos. Que depois estendeu para um terraço com uma mudança e que agora tem uma horta comunitária, num projecto sustentável.

28 de fevereiro de 2014

21 de fevereiro de 2014

O meu livro da semana {nova rubrica}

Ando já há algumas semanas a tentar organizar-me para conseguir criar novas rubricas no meu blogue.
Sinto que o quero tornar mais pessoal e um meio de maior partilha convosco do que me move enquanto mulher apaixonada pela culinária.

Uma das minhas grandes paixões, são sem dúvida, os livros de culinária. Sou completamente "viciada" em livros, interessam-me as histórias, as receitas, as fotografias... enfim, o livro tem de ter um todo para que eu me sinta perdidamente apaixonada. Estive estas semanas com um grande dilema. Qual dos livros será o primeiro? Vou falar do livro que mais gosto a nível de imagem? Ou a nível das receitas, ou do chef que mais me inspira? Português? Inglês? Francês? Ai... quase desisti da ideia da rubrica só porque não conseguia decidir-me. Isto até ontem.

27 de novembro de 2013

Rotolo de beringela e espinafres e oferta do livro "Poupe com o Jamie"

Quem me conhece sabe da minha paixão pelo Jamie.
Foi com ele que aprendi a ser criativa na cozinha e a fugir da minha zona de conforto. Foi com o Jamie que aprendi a usar as facas, foi com o Jamie que nasci e despertei para a magia da cozinha. Pode parecer exagerado, mas é a verdade. Nunca tive ídolos, nem nunca quis conhecer "famosos", mas aqui, publicamente, vos digo que adorava conhecer o Jamie Oliver.
Toda a sua filosofia, a forma como ele encara a alimentação, o que ele fez e faz pelas crianças e por todos nós em geral, é para mim, oficialmente, o meu ídolo na culinária.

E, estou prestes a realizar um dos meus grandes sonhos!! Vou fazer dois cursos no Recipease de Notting Hill... eu nem acredito que isto vai acontecer, mas vai! É mesmo uma realidade!
E para festejar resolvi oferecer-vos o novo livro do Jamie Oliver "Poupe com Jamie"

Vamos, então ao que interessa: Como podem ganhá-lo?

Este livro fala dos aproveitamentos, da poupança, do não desperdício. A ideia é que criem uma receita que tenha esse 3 factores presentes: a poupança, aproveitamento e sem desperdício.

As regras são as seguintes:

1. Criar uma receita com aproveitamentos, económica e sem desperdício
2. Fotografar a receita
3. Enviar a receita ou o link do post (se tiver blogue) por email para: clavelscook@gmail.com
4. Gostar da página de Facebook Clavel's Cook
5. Partilhar publicamente o post do passatempo no facebook

Critérios de avaliação:

1. A receita terá de ser criativa (poderá ser inspirada em alguma existente, mas tem de ter um toque único);
2. A apresentação da fotografia: composição, iluminação e ambiente;
3. Cumprir com todas as regras acima mencionadas.

VEJAM AQUI O REGULAMENTO

Claro que não podia fazer um post destes sem, também vos partilhar uma das melhores receitas do livro.
E por isso aqui vos deixo uma que já a fiz 3 vezes... sim 3, leram bem. Adorei! A versão que vos trago foi feita com beringela assada, mas confesso que gosto mais da versão original, com abóbora. Mas é só trocarem os legumes e fazer tudo da mesma forma. E inovem, experimentem, a ideia é mesmo essa.


Rotolo de beringela e espinafres

Ingredientes (4 a 6 pessoas):

1 beringela grande
1 cebola vermelha
sal
pimenta
sumo de 1/2 limão (não tem na receita original)
azeite
1c. de chá de tomilho-limão
500g de espinafres congelados
1 noz-moscada inteira, para ralar
4 dentes de alho
1 frasco de 700ml de polpa de tomate
6 folhas grandes de massa fresca (eu compro da marca milaneza, são as que mais gosto)
50g de queijo feta (também fica óptimo com queijo de cabra curado)
20g de queijo parmesão
opcional: pés de salva fresca (não pus)

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Coloque a beringela partida a meio (o jamie põe a abóbora inteira no forno) numa assadeira e leve ao forno (previamente temperada com sumo de limão, sal, pimenta, noz-moscada ralada e azeite - o jamie não faz assim, tempera só depois de sair do forno).
Entretanto descasque a cebola, pique-a grosseiramente, e leve-a a lume médio-brando num tacho de um tamanho médio com um fio de azeite, o tomilho-limão e uma pitada de sal e pimenta durante 10 minutos, mexendo de vez em quando. Junte os espinafres, cubra com uma tampa e deixe ferver em lume brando mais 15 minutos ou até o líquido evaporar, e retire do lume.
retire a beringela do forno e retire o interior da mesma esmagando com um garfo.

Descasque o alho, pique-o finamente, coloque-o numa caçarola de 28 cm de diâmetro (ou numa frigideira e depois coloca tudo numa assadeira - como foi o meu caso) com um fio de azeite e leve a fritar em lume médio durante 2 ou 3 minutos ou até começar a ficar dourado. Junte a polpa de tomate, tendo o cuidado de juntar um pouco de água no frasco vazio e agitar, deitando depois na caçarola. Deixe ferver em lume brando durante apenas 3 minutos e tempere muito bem.

Numa superfície perfeitamente limpa, disponha as folhas de massa com o lado mais estreito virado para si, trabalhando com rapidez para a massa não secar, pincele-as com água e depois divida a beringela e esspalhe-a sobre as folhas de massa. Adicione os espinafres cozinhados e o queijo feta esfarelado. Enrole as folhas e corte cada uma em 4 partes, colocando-as em seguida lado a lado no molho do tomate. polvilhe com o queijo parmesão, deite um pouco de azeite e disponha as folhas de salva (se quiser). Leve ao forno no nível inferior, coberto com papel de alumínio durante 17 a 20 minutos, depois retire o papel de alumínio e deixe no forno mais 17 a 20 minutos ou até estar com um aspecto dourado e estaladiço. É uma delícia acompanhado de uma salada verde. (é mesmo!)